Como configurar IP estático no Ubuntu Server 17.10

Olá Homelabers!

Vocês sabiam que o Ubuntu Server mudou a forma de configurar IP estático na versão 17.10?

Pois então, eu não sabia. Esses dias, fui subir uma VM com a nova versão do Ubuntu Server e fiquei quebrando a cabeça para configurar um IP estático, pois estava fazendo da maneira antiga – editar o arquivo /etc/network/interfaces

Depois de muito procurar, encontrei uma documentação, onde diz que agora o Ubuntu Server utiliza YAML para configuração de rede via um utilitário chamado NETPLAN. Esta nova ferramenta substitui o arquivo de interfaces estáticas (/etc/network/interfaces). Agora você deve usar /etc/netplan/*.yaml para configurar as interfaces de rede do Ubuntu Server.

O Ubuntu 17.10 introduz um novo método de configuração padrão para dispositivos de rede, usando o utilitário netplan em vez do utilitário ifupdown. A configuração agora está escrita como arquivos YAML /etc/netplan em vez de /etc/network/interfaces.

Bom, vou deixar aqui uma receitinha de bolo para configurar um IP estático no Ubuntu Server 17.10.

O novo arquivo de configuração de interfaces agora está no diretório /etc/netplan. Um arquivo chamado 01-netcfg.yaml é usado para configurar a primeira interface. Abaixo está a configuração padrão para uma interface usando DHCP.

# This file describes the network interfaces available on your system
# For more information, see netplan(5).
network:
 version: 2
 renderer: networkd
 ethernets:
   ens160:
     dhcp4: yes
     dhcp6: yes

Para salvar suas alterações, execute o comando abaixo:

sudo netplan apply

CONFIGURANDO ENDEREÇOS IP ESTÁTICOS:

Para configurar um endereço de IP estático usando a nova ferramenta NetPlan, o arquivo deve ser assim: endereço IPv4 (192.168.1.40), Gateway (192.168.1.1), Servidores DNS (192.168.1.2).

Conteúdo original do arquivo /etc/netplan/01-netcfg.yaml

Editar o arquivo /etc/netplan/01-netcfg.yaml com o comando sudo nano /etc/netplan/01-netcfg.yaml 

# This file describes the network interfaces available on your system
# For more information, see netplan(5).
network:
 version: 2
 renderer: networkd
 ethernets:
   ens160:
     dhcp4: no
     dhcp6: no
     addresses: [192.168.1.40/24]
     gateway4: 192.168.1.1
     nameservers:
       addresses: [192.168.1.2]

Salve o arquivo, e execute o comando:

sudo netplan apply

Veja que agora o comendo ifconfig mostra as novas configurações de IP para a interface ens160. Fácil não?

*** Atenção para o nome da sua placa de rede, no meu exemplo, a placa tem o nome de ens160. ***

Mais informações sobre como usar o utilitário NETPLAN aqui e aqui

UPDATE: Depois que publiquei esse post, encontrei na internet um artigo no site Sempre Update com mais detalhes para configurar o Ubuntu 17.10 com o Netplan 

Bom, pessoal, é isso! Deixe nos comentários, se você já sabia dessa nova forma de configurar o IP estático no Ubuntu Server ou se foi uma novidade para você também!

Um abraço e até a próxima!

Valdecir

Só mais um cara quase 40rentão com mais de 15 anos trabalhando com “computação”. Mestre em Nada, NINJA 9º DAN em Coisa Nenhuma.

Conhece um pouquinho de Infraestrutura, Redes, Servidores, SO, Virtualização, Desenvolvimento, Suporte e Helpdesk.

Editor do blog Homelaber Brasil (http://homelaber.com.br)

Nerd, Acumulador, Corintiano-Maloqueiro-Sofredor, Old School Gamer (Arcades), Marido, Pai da Mariana, do João e da Gabi, fotógrafo aposentado e bebedor de cerveja e whiskey.

5 Comments

  1. Muito interessante, ainda não tinha reparado nessa mudança.
    A grande vantagem que vejo nessa abordagem é que para o uso de ferramentas como o Puppet ou Ansible é possível ainda fazer a validação das configurações de rede antes de aplicá-las. Permitindo ainda fazer uma configuração que seja compatível com SystemD ou NetworkManager

  2. Muito interessante. Não subo Ubuntu server a bastante tempo, tenho usado apenas centOS e Debian que também mudou a forma de setar o IP. O processo no Ubuntu ficou mais “complicado” que antes, espero que tenha um ganho real ou novas utilidades essa nova forma.
    Bom trabalho Vovô (y)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *