Alpine Linux – Uma nova distro linux ligth que vale a pena conhecer

Olá Homelabers!

Essa semana por meio de uma galera do grupo Infraestrutura TI no Telegram conheci uma nova distro Linux super levinha chamada Alpine Linux (http://www.alpinelinux.org/).

 

Alpine Linux - www.alpinelinux.org

Segundo o site, o Alpine Linux é uma distro independente, não comercial e de uso geral, criada para power users que buscam segurança, simplicidade e eficiência de recursos.  Foi criado tendo por base musl libc e busybox, o que permitiu criar uma distro extremamente enxuta.

O download do Alpine Linux tem apenas 87MB em sua versão Standard. E em meus testes, consegui rodar em uma VM com 128MB de memória.

Estou testando o Alpine Linux e gostando muito. A curva de aprendizagem para quem está acostumado com outras distros como Ubuntu, CentOS, RedHat é bastante curta e a documentação existente no site é bem completa.

Vale comentar que ainda existem versões para Raspberry Pi e outros dispositivos ARM. Essa distro promete!

E ao que parece, o Alpine Linux vem chamando a atenção nos últimos tempos, de acordo com o Google Trends.

alpine-linux-google-trends

Eu já fiz um post aqui sobre Distros Ligths e o Alpine Linux certamente merece um lugar de destaque nessa categoria.

Acabei fazendo um video com a instalação e as primeiras configurações do Alpine, assim facilita para o pessoal.

Instalação

A instalação do Alpine Linux é feita em 3 simples passos:

  1. Fazer o download do ISO em http://www.alpinelinux.org/downloads/ Para simplificar, use a versão Standard.
  2. Crie um pendrive de boot usando o Rufus (instruções no link)
  3. De o boot pelo pendrive, logue com o usuário “root” sem senha e pronto! Está feito!

tutorial-alpine-linux-homelaber-009

tutorial-alpine-linux-homelaber-008

Após a instalação, você deve executar o comando:

setup-alpine

Esse comando irá nos guiar através de um wizard bem simples (em modo texto)

tutorial-alpine-linux-homelaber-007

tutorial-alpine-linux-homelaber-006

tutorial-alpine-linux-homelaber-005

tutorial-alpine-linux-homelaber-004

tutorial-alpine-linux-homelaber-003

 

Pós-Instalação

Trabalhando com pacotes no Alpine Linux (instalar, remover, atualizar, procurar, etc)

O gerenciador de pacotes utilizado pelo Alpine Linux é o apk

Abaixo está uma tabela com os comandos no Alpine Linux e seus correspondentes no Ubuntu/Debian e RHEL/CentOS

AçãoAlpine Linux (apk)Ubuntu/Debian (apt)RHEL/CentOS (yum)
Instalar pacote
apk add [nome-do-pacote]
apt-get install [nome-do-pacote]
yum install [nome-do-pacote]
Remover pacote
 apk del [nome-do-pacote]
apt-get remove [nome-do-pacote]
yum remove [nome-do-pacote]
Atualizar todos os pacotes instalados
apk upgrade -U -a
apt-get update && apt-get upgrade
yum update && yum upgrade
Procurar pacotes
apk search [string]
apt-get search [string]
yum search [string]

Como configurar hostname

As configurações do hostname estão localizadas no arquivo /etc/hostname

Para configurar o hostname de seu servidor, execute o comando :

setup-hostname

/etc/init.d/hostname --quiet restart

Como configurar interface de rede

As configurações de rede estão localizadas no arquivo /etc/network/interfaces

Para configurar a(s) interface(s) de rede de seu servidor, execute o comando:

setup-interfaces

/etc/init.d/networking --quiet start

Como configurar DNS

As configurações de DNS estão localizadas no arquivo /etc/resolv.conf

Para configurar o DNS em seu servidor, execute o comando:

setup-dns

Como configurar Timezone

Para configurar o Timezone de seu servidor, execute o comando:

setup-timezone

Como configurar o Proxy

Para configurar o Proxy de seu servidor, execute o comando:

setup-proxy

Os dados do proxy deve ser inseridos utilizando o formado: http://<url-ou-ip-do-proxy>:<porta-do-proxy>, para excluir o proxy, execute o comando novamente e escolha [none].

Como acessar o console via SSH com o usuário root

Se você tentar acessar o console do servidor via SSH com o usuário root, não vai conseguir, pois o sshd vem por default configurado para bloquear acessos do usuário root, por motivos de segurança.

Para contornar esse problema, você deve ou criar um novo usuário ou alterar o parâmetro “PermitRootLogin” para yes dentro do arquivo /etc/ssh/sshd_config e em seguida reiniciar o servidor sshd utilizand o comando service sshd restart

Como instalar acf (Alpine Configuration Framework)

O Alpine ACF é uma “aplicação” web para gerenciamento e monitoração do Alpine. E a seus instalação é feita com o comando:

setup-acf

Após a instalação, basta acessar o ip ou url do seu servidor (com https).

https://<ip-do-servidor>

tutorial-alpine-linux-homelaber-002

tutorial-alpine-linux-homelaber-001

tutorial-alpine-linux-homelaber-000

Onde está o comando man?

O comando man não é instalado por padrão. Primeiramente, execute o comando abaixo para instalar o pacote do man:

apk add man

O próximo passo é instalar o pacote de documentação do pacote ou comando desejado, executando o comando:

apk add <package-doc>

ex: apk add nano-doc

Mas atenção, nem todos os pacotes tem disponível o pacote do manual. Para uma lista de todos os pacotes “-doc” execute o comando:

apk search | grep doc | more

(se você tiver uma sugestão melhor, deixe um comentário no post!)

Repositório de Pacotes

O repositório de pacotes está localizado no arquivo /etc/apk/repositories

Instalando Java 8 no Alpine Linux

Para instalar o Java 8 no Alpine Linux, execute os comandos abaixo:

apk add openjdk8-jre-base --update-cache --repository http://dl-3.alpinelinux.org/alpine/edge/testing/ --allow-untrusted \ && rm -rf /var/cache/apk/*

Se você precisar instalar o Java da Oracle, aqui e aqui são bons lugares para encontrar ajuda.

Links:

Não deixe de visitar esses links sobre o Alpine Linux:

Alpine Linux no Wikipedia

Twitter – @alpinelinux

Forum Alpine Linux

Wiki (leitura obrigatória)

Review no Distrowatch (em Inglês)

É isso ai pessoal! Mais um post e video publicado!

Deixe os seus comentários e até a próxima!

VC

Só mais um cara quase 40rentão com mais de 15 anos trabalhando com “computação”. Mestre em Nada, NINJA 9º DAN em Coisa Nenhuma.

Conhece um pouquinho de Infraestrutura, Redes, Servidores, SO, Virtualização, Desenvolvimento, Suporte e Helpdesk.

Editor do blog Homelaber Brasil (http://homelaber.com.br)

Nerd, Acumulador, Corintiano-Maloqueiro-Sofredor, Old School Gamer (Arcades), Marido, Pai da Mariana, do João e da Gabi, fotógrafo aposentado e bebedor de cerveja e whiskey.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *